Senado aprova ampliação de prazo de refinanciamento para caminhoneiros

Empresários individuais, empresas, associações e fundações que atuam com o transporte rodoviário de cargas com receita anual de até R$ 2,4 milhões poderão fazer a renegociação.

O projeto de lei que amplia o prazo para o refinanciamento dos empréstimos adquiridos pelos caminhoneiros por meio do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) foi aprovado pelo Senado Federal nesta terça-feira, 17. Com isso, quem financiou veículos, reboques, semirreboques e carrocerias, novos e usados, até o fim de 2015, terá até 30 de dezembro deste ano para renegociar a dívida junto ao banco.

Anteriormente, o prazo para acessar o refinanciamento encerraria em junho e valia para contratos assinados até 2014. Mas os limites foram alterados pelo Congresso Nacional. 

Conforme o projeto, empresários individuais, empresas, associações e fundações que atuam com o transporte rodoviário de cargas com receita anual de até R$ 2,4 milhões poderão fazer a renegociação.

Para o presidente da Abcam, José da Fonseca Lopes, a ampliação do prazo chega em momento oportuno. “ Muitos caminhoneiros estão desesperados para renegociarem suas dívidas. Os bancos não podem virar as costas para seus clientes nesse momento de profunda crise econômica. Que desta vez, a lei seja cumprida e a renegociação seja feita”, comenta.


Com informações da Agência Senado

 

Projetos









Main Menu - Mobile