Senado aprova ampliação de prazo de refinanciamento para caminhoneiros

Empresários individuais, empresas, associações e fundações que atuam com o transporte rodoviário de cargas com receita anual de até R$ 2,4 milhões poderão fazer a renegociação.

O projeto de lei que amplia o prazo para o refinanciamento dos empréstimos adquiridos pelos caminhoneiros por meio do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) foi aprovado pelo Senado Federal nesta terça-feira, 17. Com isso, quem financiou veículos, reboques, semirreboques e carrocerias, novos e usados, até o fim de 2015, terá até 30 de dezembro deste ano para renegociar a dívida junto ao banco.

Anteriormente, o prazo para acessar o refinanciamento encerraria em junho e valia para contratos assinados até 2014. Mas os limites foram alterados pelo Congresso Nacional. 

Conforme o projeto, empresários individuais, empresas, associações e fundações que atuam com o transporte rodoviário de cargas com receita anual de até R$ 2,4 milhões poderão fazer a renegociação.

Para o presidente da Abcam, José da Fonseca Lopes, a ampliação do prazo chega em momento oportuno. “ Muitos caminhoneiros estão desesperados para renegociarem suas dívidas. Os bancos não podem virar as costas para seus clientes nesse momento de profunda crise econômica. Que desta vez, a lei seja cumprida e a renegociação seja feita”, comenta.


Com informações da Agência Senado

 

Projetos









Fique por dentro do setor

Pesquisa revela que caminhoneiros estão acima do peso ideal

Especialista de Araçatuba diz que exercícios podem ajudar a melhorar.

Dicas de Saúde

Saiba como ter uma vida mais saudável na estrada

Venda de veículos cai 25%

O segmento de pesados foi, em abril, mais uma vez o que apresentou pior desempenho nas vendas.

Primeiro caminhão autônomo já está rodando nos Estados Unidos

Daimler mostra o Freightliner Inspiration Truck, cavalo-mecânico que ‘dirige sozinho’. Protótipo foi emplacado em Nevada